Sisar vence o Prêmio ODS Brasil

O Modelo de Gestão Sistema Integrado de Saneamento Rural (Sisar) foi vencedor do Prêmio ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) Brasil, na categoria “Organização sem fins lucrativos”. O Sisar concorreu com 1.038 inscritos de 729 instituições. A solenidade de premiação ocorreu no Palácio do Planalto em Brasília e contou com a presença da gerente de Saneamento Rural, Otaciana Ribeiro e do presidente do Instituto Sisar, Marcondes Pereira.

O Prêmio ODS Brasil foi lançado este ano de 2018, pelo Governo Federal e tem por objetivo incentivar, valorizar e dar visibilidade a práticas que contribuam para o alcance das metas da Agenda 2030 em todo o território nacional, além de reconhecer projetos, programas, tecnologias ou outras iniciativas alinhadas aos ODS que promovam soluções que contemplem os aspectos sociais, ambientais e econômicos que são essenciais para inspirar e engajar pessoas e instituições, e multiplicar soluções sustentáveis e transformadoras nos territórios onde estão inseridas.

Para Otaciana, estar entre as dez práticas sustentáveis que estavam concorrendo foi muito gratificante, e ficar em primeiro lugar significa que a equipe trabalha em prol do mesmo objetivo. “O prêmio é recompensador para a Cagece, além de poder contribuir para o alcance das metas da Agenda 2030. São 23 anos de implantação do primeiro Sisar no Ceará. Nós sempre buscamos melhorar nosso trabalho e agora veio o reconhecimento. O prêmio fortalece cada vez mais o modelo de gestão que já é referência mundial”, disse.